Quem somos
|
Arquivo
|
Anuncie
|
Contato
|
Sua página inicial


início
prêmios
lavras tem
agenda
busca


Matéria Jornalística /


Publicada em: 01/09/2023 07:59 - Atualizada em: 01/09/2023 12:52
Aumento dos casos de Covid: Minas registrou 4,6 mil novos casos em agosto
Foram 209 novos casos por dia no estado. Secretaria Municipal de Saúde ainda não divulgou os casos de Lavras em agosto

Imagem ilustrativa

.

 @jornaldelavras     @jornaldelavras   (35) 99925.5481
.
 

A Covid volta a assustar em Minas Gerais e em todo o Brasil. Neste mês de agosto o estado registrou 4,6 mil novos casos da doença, uma média de 209 casos/dia. Os 4,6 mil casos foram computados a partir do dia 9. O aumento das ocorrências foi registrado também em todo o país.

As informações constam do boletim divulgado ontem, quarta-feira, dia 30, pela Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG). Lavras não está mais divulgando o boletim, o último foi publicado no dia 31 de julho, neles constavam 32.889 casos confirmados desde o início da pandemia, com 215 mortes. O boletim da SES consta 216 óbitos em Lavras.

Duas associações médicas de diagnóstico divulgaram relatório informando que desde julho, os testes positivos para a doença cresceram 8,3 pontos percentuais. Especialistas afirmam que o aumento já era esperado, mas, com a chegada da nova variante EG.5, apelidada de Éris, o cenário deve ser analisado com cautela.

Conforme dados levantados pela Associação Brasileira de Medicina Diagnóstica (Abramed), que representam 65% do volume de exames realizados pela saúde suplementar no país, de 29 de julho a 18 de agosto, o número de testes positivos para Covid-19 aumentou 7,5 pontos percentuais.

Isso quer dizer que os casos confirmados da doença passaram de 6,3%, entre os dias 29 de julho a 4 de agosto, para 13,8% entre 12 de agosto ao dia 18 do mesmo mês.

O Instituto Todos Pela Saúde, que computou dados dos laboratórios particulares Dasa, DB Molecular, Fleury, Hospital Israelita Albert Einstein (HIAE), Hilab, HLAGyn e Sabin, a porcentagem de contaminação pelo SARS-CoV-2 passou de 7% para 15,3% entre 22 de julho e 19 de agosto.

Mesmo quem vacinou com todas as doses, ou já teve Covid-19, pode ficar mais suscetível a novas contaminações, na maioria das vezes, leves.

 

.
.
www.jornaldelavras.com.br
A informação a um click de você 


 

Voltar Envie para um amigo


 www.jornaldelavras.com.br
A informação a um click de você
WhatsApp: (35) 9 9925-5481
Instagram e Facebook: @jornaldelavras