Quem somos
|
Arquivo
|
Anuncie
|
Contato
|
Sua página inicial


início
prêmios
lavras tem
agenda
busca


Matéria Jornalística /


Publicada em: 22/06/2023 15:27 - Atualizada em: 22/06/2023 21:48
Reitor da Ufla vai integrar a delegação brasileira em missão acadêmica à China
O reitor João Chrysostomo de Resende Júnior vai integrar a missão que permanecerá naquele país por dez dias

João Chrysostomo de Resende Júnior, reitor da Universidade Federal de Lavras (Ufla)

.

 @jornaldelavras     @jornaldelavras   (35) 99925.5481
   

A Universidade Federal de Lavras (Ufla), uma das instituições de ensino superior das mais importantes do Brasil, devido sua importância, foi escolhida para representar o Brasil em uma missão acadêmico-científica à China. O reitor da Instituição, professor João Chrysostomo de Resende Júnior, integrará a delegação brasileira, que estará em atividade no país asiático de 26 de junho a 7 de julho. A missão é promovida pela Universidade Normal de Hebei (HNU), da China, em parceria com o Grupo de Cooperação Internacional de Universidades Brasileiras (GCub).

O grupo visitará instituições de Hebei, de Beijing e de outras províncias chinesas. Além da Universidade Normal de Hebei, estão no roteiro a Universidade de Donghua, em Shanghai, e a Universidade de Agricultura e Floresta, de Zhejiang. A busca é pelo fortalecimento da colaboração acadêmica e científica entre os dois países, por meio do estabelecimento de redes de intercâmbio entre as universidades brasileiras associadas ao Gcub e as universidades da China. A missão pode resultar na identificação de possibilidades de parcerias e futuros acordos de cooperação.

A Ufla possui, atualmente, por seu programa de internacionalização, 116 acordos vigentes com instituições educacionais estrangeiras de 32 países. A China ainda não está entre eles. Para o reitor, a viagem, promovida pelo país anfitrião, traz potencialidades de alterar esse quadro. "Nossa perspectiva é conhecer o sistema de universidades chinesas e apresentar a Ufla a elas, no ensino de graduação, pós-graduação e na pesquisa em todas as áreas, mas especialmente naquelas áreas em que somos mais fortes. Esperamos abrir esse mercado para parcerias interinstitucionais, pela grande importância daquele país como potência econômica e, especialmente, como potência tecnológica", avalia.

A delegação brasileira terá 22 participantes, incluindo reitores e outros representantes de instituições públicas de ensino superior. A liderança da delegação brasileira será feita pela diretora executiva do GCub e professora da Universidade de Brasília (UnB), Rossana de Souza e Silva. A diretora do Instituto Confucius na Universidade Federal Fluminense (UFF), professora Ana Qiao Jinzhen, será a responsável pela condução das visitas às instituições chinesas.

www.jornaldelavras.com.br
A informação a um click de você 


 

Voltar Envie para um amigo


 www.jornaldelavras.com.br  - 只需点击一下即可获取信息
拉夫拉斯/MG
WhatsApp: (35) 9 9925-5481
Instagram:@jornaldelavras 
推特:twitter.com/jlavras 
脸书: www.facebook.com/jornaldelavras