Quem somos
|
Arquivo
|
Anuncie
|
Contato
|
Sua página inicial


início
prêmios
lavras tem
agenda
busca


Matéria Jornalística /


Publicada em: 04/05/2023 19:30 - Atualizada em: 05/05/2023 12:15
Número de casos de dengue continua aumentando em Lavras e toda região
Até ontem, quarta-feira, 15 pessoas morreram na região em decorrência da dengue

Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue, chikungunya, zika e outras doenças tropicais

.

 @jornaldelavras     @jornaldelavras   (35) 99925.5481
 

A dengue continua em alta em Lavras e toda região. Das sete cidades limítrofes, apenas Carmo da Cachoeira não tem registro de novos casos, as demais tiveram aumento expressivo da doença.

Em Lavras, segundo o boletim de arboviroses da Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG), na semana passada tinha 2.068 casas da doença e, em uma semana, saltou para 2.458, um aumento de 18,85%. A cidade registra ainda três mortes, sendo duas por dengue e uma por chikungunya, além de três casos de chikungunya e quatro de zika vírus.

A dengue já matou 15 pessoas na região, sendo 6 em Passos, 2 em Itaú de Minas, 2 em Lavras, 1 em Ingaí, 1 em Perdões, 1 em Pratápolis, 1 em São Sebastião do Paraiso e 1 em Varginha.

O número de casos continua aumentando também nas seis, das sete cidades limítrofes com Lavras. Perdões na semana passada tinha 637 casos de dengue e em uma semana pulou para 657; Ribeirão Vermelho de 474 para 544; Ijaci de 189 para 331; Itumirim de 48 para 60; Ingaí de 64 para 92; Nepomuceno, a exemplo de Ijaci, foi a cidade que registrou a maior alta de casos, de 615 para 830. Carmo da Cachoeira continua com apenas um registro.

www.jornaldelavras.com.br
A informação a um click de você 


 

Voltar Envie para um amigo


 www.jornaldelavras.com.br  - 只需点击一下即可获取信息
拉夫拉斯/MG
WhatsApp: (35) 9 9925-5481
Instagram:@jornaldelavras 
推特:twitter.com/jlavras 
脸书: www.facebook.com/jornaldelavras