Quem somos
|
Arquivo
|
Anuncie
|
Contato
|
Sua página inicial


início
prêmios
lavras tem
agenda
busca


Matéria Jornalística /


Publicada em: 17/06/2022 22:28 - Atualizada em: 18/06/2022 16:22
Dois casos de chikungunya foram confirmados em Lavras
Ela é a doença viral mais mortal transmitida pelo Aedes aegypti, a informação foi publicada no boletim epidemiológico de arboviroses urbanas da SES-MG, de 14 de junho

Casos de chikungunya em Lavras foi registrado pela primeira vez desde 2014, quando o vírus foi identificado no Brasil

.

 @jornaldelavras     @jornaldelavras   (35) 99925.5481
 

A Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) confirmou em seu boletim epidemiológico de 14 de junho, terça-feira, dois casos de chikungunya em Lavras, além de 630 casos de dengue.

A chikungunya é uma doença viral que mais mata entre as transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti, ela causa febre e fortes dores articulares. No Brasil a circulação do vírus foi identificada pela primeira vez em 2014.

Esta é a primeira vez que é registrado caso positivado de chikungunya em Lavras, em 2014 surgiu um caso suspeito, foi colhida amostras de sangue do paciente, porém, deu negativo para o alívio das autoridades de saúde do município. O primeiro óbito em Minas Gerais decorrente da chikungunya foi conformado pelo Ministério da Saúde em 2017.

As sete cidades limítrofes com Lavras: Ijaci, Itumirim, Ingaí, Carmo da Cachoeira, Nepomuceno, Ribeirão Vermelho e Perdões, não tem registros de chikungunya. Destas, apenas Itumirim e Nepomuceno, tiveram aumento de casos de dengue. Itumirim tinha 3 casos no dia 8 e agora tem 4 casos. Nepomuceno tinha 161 e agora tem 166.

Lavras, além dos dois casos de chikungunya, têm 630 casos de dengue, em relação ao boletim do dia 8, Lavras teve um aumento de apensa 5 novos casos de dengue.

www.jornaldelavras.com.br
A informação a um click de você 
 
 

Voltar Envie para um amigo


 www.jornaldelavras.com.br - A informação a um click de você
Lavras/MG
WhatsApp: (35) 9 9925-5481
Instagram: @jornaldelavras 
Twitter: twitter.com/jlavras 
Facebook: www.facebook.com/jornaldelavras