Quem somos
|
Arquivo
|
Anuncie
|
Contato
|
Sua página inicial


início
prêmios
lavras tem
agenda
busca


Matéria Jornalística /


Publicada em: 03/06/2022 19:23 - Atualizada em: 04/06/2022 09:16
Campanhas de vacinação contra gripe e sarampo foram prorrogadas até o dia 24
Coberturas seguem abaixo das metas preconizadas pelo Ministério da Saúde; pessoas dos grupos elegíveis que ainda não se vacinaram devem procurar a unidade de saúde

Imagem ilustrativa de vacinação contra a influenza

.

 @jornaldelavras     @jornaldelavras   (35) 99925.5481

Devido às baixas coberturas vacinais para as duas doenças no estado, a Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) prorroga as campanhas nacionais de vacinação contra a influenza e o sarampo até o dia 24 deste mês de junho. O comunicado sobre a prorrogação foi emitido pelo Ministério da Saúde (MS), ontem, quinta-feira, dia 2, e tem o objetivo de garantir a imunização do público elegível para as duas campanhas, mantendo coberturas vacinais ideais e garantindo a proteção contra as doenças, que são imunopreveníveis. As vacinas são gratuitas e estão disponíveis nas Unidades Básicas de Saúde em todo o estado. 

Até ontem, quinta-feira, as coberturas vacinais contra a influenza e sarampo em Minas Gerais estavam em 54,6% e 47%, respectivamente. Para a gripe, a meta é de 90% de cobertura vacinal para os grupos prioritários, estimados em 8.299.488 pessoas. Em relação ao sarampo, a campanha de 2022 foi direcionada aos trabalhadores da saúde e crianças de seis meses a menores de 5 anos – mais de 1,7 milhão de indivíduos – e a meta de cobertura vacinal é de 95%.

"As campanhas de vacinação contra a gripe e contra o sarampo foram prorrogadas até o dia 24. Isso só aconteceu porque não batemos a nossa meta. Estamos longe, aliás", afirmou o secretário de Estado de Saúde, Fábio Baccheretti. "O sarampo é uma doença que já tinha sido erradicada em nosso estado e no nosso país e voltamos a ter essa doença em nosso território porque deixamos de lado a vacinação. E também a gripe, pois estamos em um momento sazonal de doenças respiratórias, com muitas pessoas gripando e internando e poderíamos ter este público protegido", afirmou o secretário, que fez ainda um alerta para a população. "A principal arma contra essas doenças está disponível no posto de saúde. Então, quem ainda não se vacinou e é do grupo do público alvo, vá até o posto e garanta a sua proteção, para que não corra nenhum risco neste período", completou. 

www.jornaldelavras.com.br
A informação a um click de você 
 

Leia também:

 

"Brincadeira" que poderia ter terminado em tragédia deixa moradores de Nepomuceno indignados - veja vídeo
Carreta "cebolão" tomba na BR-265, no perímetro urbano de Lavras
Arma furtada na zona rural de Lavras foi apreendida pela PM de Perdões
Lavrense será empossado na Academia Brasileira Rotária de Letras
Documentário produzido em Lavras está concorrendo no Festival Sarancine - assista e vote
Lavras poderá ganhar um campus do IFSULDEMINAS
Novo "lixão" começa a surgir em Lavras e já está até invadindo pista do anel viário - veja fotos
Um porco-espinho foi flagrado em rua da área central de Lavras - veja vídeo
Homem e mulher foram presos no Sul de Minas após divulgarem blitz em aplicativo de mensagem
Saúde enfrenta crise por falta de remédios básicos. Rede pública e privada de Lavras estão sendo afetadas
 

Voltar Envie para um amigo


 www.jornaldelavras.com.br - A informação a um click de você
Lavras/MG
WhatsApp: (35) 9 9925-5481
Instagram: @jornaldelavras 
Twitter: twitter.com/jlavras 
Facebook: www.facebook.com/jornaldelavras