Quem somos
|
Arquivo
|
Anuncie
|
Contato
|
Sua página inicial


início
prêmios
lavras tem
agenda
busca


Matéria Jornalística /


Publicada em: 13/05/2022 17:41 - Atualizada em: 13/05/2022 22:01
Presidente da Adufla e ministro Paulo Guedes "batem boca" em Brasília
O professor da Ufla Fernando Nogueira chamou o ministro Paulo Guedes de 'golpista' e Guedes se irritou

Presidente da Associação dos Docentes da Universidade Federal de Lavras (Adufla), professor Fernando Nogueira Martins Júnior, que deixou Paulo Guedes na "saia justa"

.

 @jornaldelavras     @jornaldelavras   (35) 99925.5481

Na tarde de ontem, quinta-feira, dia 12, durante declaração do estudo para a privatização da Petrobras, servidores que estão em busca do reajuste salarial provocaram o ministro da Economia, Paulo Guedes, chamando o decreto de 'golpe'. O chefe da pasta, por sua vez, rebateu as críticas, jogando a culpa no governo anterior.

O clima "esquentou" durante a coletiva para a imprensa do ministro Paulo Guedes e do novo ministro de Minas e Energia, Adolfo Sachsida, quando anunciavam a abertura dos estudos para o processo de privatização da Petrobras e do Pré-Sal Petrolífera S/A. O presidente da Associação dos Docentes da Universidade Federal de Lavras (Adufla), professor Fernando Nogueira Martins Júnior, interpelou o ministro da Economia denunciando que a proposta iria "destruir o patrimônio do povo brasileiro".

Paulo Guedes rebateu dizendo: "Eu não quero falar de quem roubou a Petrobras, assaltaram a Petrobras durante anos e foram condenados. Eu quero receber, como um programa de governo que teve 60 milhões de votos, um novo pedido do ministro de Minas e Energia e encaminhar o processo", afirmou. O titular da Economia ainda reiterou que irá devolver ao povo brasileiro o que é dele.

Neste momento, o presidente da Adufla rebateu: "Não, vocês não respeitam o povo brasileiro".

Lembrando que o grupo de Servidores Públicos Federais estava na porta do Ministério da Economia, como manifesto para cobrar a recomposição devida das perdas salariais de 19,90% para os servidores públicos federais. Paulo Guedes se irritou com as palavras do presidente da Adufla e encerrou a coletiva sem responder aos jornalistas.

As imagens repercutiram na mídia nacional e nas redes sociais, sendo notícia nos maiores portais de notícias, como O Globo, Folha de S. Paulo e até na CNN, que fazia uma entrada ao vivo no momento da coletiva.

www.jornaldelavras.com.br
A informação a um click de você 
 

Leia também:

 

"Brincadeira" que poderia ter terminado em tragédia deixa moradores de Nepomuceno indignados - veja vídeo
Carreta "cebolão" tomba na BR-265, no perímetro urbano de Lavras
Arma furtada na zona rural de Lavras foi apreendida pela PM de Perdões
Lavrense será empossado na Academia Brasileira Rotária de Letras
Documentário produzido em Lavras está concorrendo no Festival Sarancine - assista e vote
Lavras poderá ganhar um campus do IFSULDEMINAS
Novo "lixão" começa a surgir em Lavras e já está até invadindo pista do anel viário - veja fotos
Um porco-espinho foi flagrado em rua da área central de Lavras - veja vídeo
Homem e mulher foram presos no Sul de Minas após divulgarem blitz em aplicativo de mensagem
Saúde enfrenta crise por falta de remédios básicos. Rede pública e privada de Lavras estão sendo afetadas

Voltar Envie para um amigo


 www.jornaldelavras.com.br - A informação a um click de você
Lavras/MG
WhatsApp: (35) 9 9925-5481
Instagram: @jornaldelavras 
Twitter: twitter.com/jlavras 
Facebook: www.facebook.com/jornaldelavras