Quem somos
|
Arquivo
|
Anuncie
|
Contato
|
Sua página inicial


início
prêmios
lavras tem
agenda
busca


Matéria Jornalística /


Publicada em: 14/03/2022 11:14 - Atualizada em: 14/03/2022 16:26
Saiba como ajudar na recuperação dos animais silvestres que estão em tratamento em Lavras
São muitos animais selvagens trazidos para Lavras para atendimento especializado na Ufla, você poderá ajudar na alimentação deles

Lobo guará que foi atropelado, recebeu tratamento no Hospital Veterinário da Ufla e ganhou a liberdade em seguida. Imagem ilustrativa

.

 @jornaldelavras     @jornaldelavras   (35) 99925.5481
 

O Grupo de Estudos de Animais Selvagens (Geas), da Universidade Federal de Lavras (Ufla), recebe animais silvestres da fauna brasileira feridos, são vítimas de acidentes como atropelamento, de maus-tratos, vítimas de caçadores ou outros. Eles são trazidos para Lavras de toda a região do Sul de Minas.

O número de animais atendidos tem aumentado muito e, com isso, aumentou também a demanda da dieta deles. O Geas está gastando muito com a aquisição de frutas e legumes, devido a isso, decidiu fazer uma campanha de arrecadação.

O Geas está aceitamos qualquer tipo de frutas, legumes e folhas (couve, alface, almeirão, etc), qualquer quantidade já ajuda muito. Quem quiser contribuir para a alimentação dos animais que estão sendo atendidos no Geas, pode levar os alimentos até o ambulatório que fica atrás do Hospital Veterinário da Ufla ou, então, solicitar que uma equipe do Geas vá até você.

A equipe do Geas aceita também doações de papas para filhotes de aves e carne para os animais carnívoros.

É perfeitamente natural que todos tenham curiosidade em ver os animais, são lobos, onças, pequenos macacos, pássaros, tamanduás e outros animais da rica fauna da região, porém, tem um problema: os animais, por serem selvagens e por estarem feridos recebendo tratamento, ficam muito estressados e isso pode agravar o estado de saúde deles, portanto, quando você for levar sua doação, não deve pedir para vê-los, o contato com seres humanos pode atrapalhar o quadro comportamental e clínico deles.

Que também os feirantes, os supermercados da cidade e os produtores, se mobilizem, inclusive com sobras para evitar o disperdício, para ajudar na alimentação dos animais que estão em tratamento, com isso, o Geas estará economizando e os recursos podem ser canalizados para aquisição de alimentos mais complexos para o tratamento dos animais selvagens.

www.jornaldelavras.com.br
A informação a um click de você 
 

Leia também:

 

"Brincadeira" que poderia ter terminado em tragédia deixa moradores de Nepomuceno indignados - veja vídeo
Carreta "cebolão" tomba na BR-265, no perímetro urbano de Lavras
Arma furtada na zona rural de Lavras foi apreendida pela PM de Perdões
Lavrense será empossado na Academia Brasileira Rotária de Letras
Documentário produzido em Lavras está concorrendo no Festival Sarancine - assista e vote
Lavras poderá ganhar um campus do IFSULDEMINAS
Novo "lixão" começa a surgir em Lavras e já está até invadindo pista do anel viário - veja fotos
Um porco-espinho foi flagrado em rua da área central de Lavras - veja vídeo
Homem e mulher foram presos no Sul de Minas após divulgarem blitz em aplicativo de mensagem
Saúde enfrenta crise por falta de remédios básicos. Rede pública e privada de Lavras estão sendo afetadas

Voltar Envie para um amigo


 www.jornaldelavras.com.br - A informação a um click de você
Lavras/MG
WhatsApp: (35) 9 9925-5481
Instagram: @jornaldelavras 
Twitter: twitter.com/jlavras 
Facebook: www.facebook.com/jornaldelavras