Quem somos
|
Arquivo
|
Anuncie
|
Contato
|
Sua página inicial


início
prêmios
lavras tem
agenda
busca


Matéria Jornalística /


Publicada em: 08/03/2022 16:20 - Atualizada em: 08/03/2022 22:35
Polícia Federal faz operação em instituições de ensino superior na região de BH e Sul de Minas
As instituições investigadas são das cidades de Belo Horizonte, Contagem, Nova Lima, Conceição do Rio Verde, Varginha e Três Corações.

Imagem ilustrativa da Polícia Federal

.

 @jornaldelavras     @jornaldelavras   (35) 99925.5481
 

A Polícia Federal amanheceu hoje, terça-feira, dia 8, em seis campi de 6 instituições de ensino superior e mantenedora. A PF cumpriu 16 mandados de busca e apreensão em Belo Horizonte, Contagem, Nova Lima, Conceição do Rio Verde, Varginha e Três Corações.

Os investigados na operação deflagrada na manhã de hoje pela PF são a Universidade Vale do Rio Verde (Unincor) e a Fundação Comunitária Tricordiana de Educação (FCTE).

A operação foi nomeada de "J'Adoube", uma alusão a um termo francês para o jogo de xadrez que traduzido literalmente significa: "Eu ajusto". As investigações da PF suspeita que os investigados constituíram empresas para desvio de valores e consequente lavagem de ativos.

Durante as investigações foi apurado que a fundação tinha grande volume de débitos tributários e previdenciários com a União já vencidos. O valor era de cerca de R$ 92 milhões. Além disso, havia também dívidas trabalhistas de processos judiciais com trânsito em julgado, que não foram pagos.

De acordo com a PF, os dirigentes da FCTE e titulares de empresas criadas para atividades ilícitas teriam desviado valores das mensalidades dos cursos oferecidos, ao longo de mais de três anos. Estes valores deveriam ser incluídos nas contas da FCTE para o pagamento de encargos correntes e dívidas.

O dinheiro supostamente desviado era referente às mensalidades de alunos dos cursos de graduação e especialização das universidades oferecidas em diversos campi de Minas Gerais. A Polícia Federal representou por 28 ordens judiciais, sendo 16 mandados de busca e apreensão, sendo 6 em Belo Horizonte, 2 em Contagem, 2 em Nova Lima, 1 em Conceição do Rio Verde, 2 em Varginha e em Três Corações.

Os investigados poderão responder por crimes de lavagem de dinheiro, apropriação indébita e organização criminosa. Se condenados eles podem pegar até 22 anos de cadeia.

Em comunicado oficial, a FCTE e a Unincor disseram que a operação ocorre devido a débitos trabalhistas e tributários deixados pelas gestões anteriores, que a gestão atual vem tentando sanar há mais de 10 anos.

www.jornaldelavras.com.br
A informação a um click de você 
 

Leia também:

 

"Brincadeira" que poderia ter terminado em tragédia deixa moradores de Nepomuceno indignados - veja vídeo
Carreta "cebolão" tomba na BR-265, no perímetro urbano de Lavras
Arma furtada na zona rural de Lavras foi apreendida pela PM de Perdões
Lavrense será empossado na Academia Brasileira Rotária de Letras
Documentário produzido em Lavras está concorrendo no Festival Sarancine - assista e vote
Lavras poderá ganhar um campus do IFSULDEMINAS
Novo "lixão" começa a surgir em Lavras e já está até invadindo pista do anel viário - veja fotos
Um porco-espinho foi flagrado em rua da área central de Lavras - veja vídeo
Homem e mulher foram presos no Sul de Minas após divulgarem blitz em aplicativo de mensagem
Saúde enfrenta crise por falta de remédios básicos. Rede pública e privada de Lavras estão sendo afetadas
 

Voltar Envie para um amigo


 www.jornaldelavras.com.br - A informação a um click de você
Lavras/MG
WhatsApp: (35) 9 9925-5481
Instagram: @jornaldelavras 
Twitter: twitter.com/jlavras 
Facebook: www.facebook.com/jornaldelavras