Quem somos
|
Arquivo
|
Anuncie
|
Contato
|
Sua página inicial


início
prêmios
lavras tem
agenda
busca


Matéria Jornalística /


Publicada em: 05/02/2022 10:12 - Atualizada em: 05/02/2022 15:44
Em Extrema, no Sul de Minas: criança morre em decorrência da Covid
Em Minas Gerais, 41 crianças com até 9 anos já morreram por complicações da doença. Ontem um bebê morreu em BH vítima da doença

Vista parcial de Extrema, no Sul de Minas, cidade que confirmou o óbito de criança de 6 anos por Covid. Foto: Prefeitura de Extrema

.

 @jornaldelavras     @jornaldelavras   (35) 99925.5481

Uma menina de 6 anos morreu em decorrência da Covid-19 na cidade de Extrema, no Sul de Minas, ela foi a 132ª morte ocorrida naquele município provocada pela doença. A prefeitura da cidade publicou ontem, sexta-feira, dia 4, em suas redes sociais, informações sobre o óbito.

A criança apresentou dor forte na perna, o que foi diagnosticado como trombose e testou positivo para Covid, evoluindo para morte. Porém, um morador que conhecia a família da menina publicou na própria página da prefeitura que a criança havia sido levada no sábado, dia 29, para o hospital por ele inclusive, que é amigo da família. No hospital disseram que a dor na perna da menina poderia ter sido decorrente de uma queda. A menina voltou para casa e, no domingo, dia 30, ela foi levada novamente ao hospital, onde ficou internada e, na terça-feira, dia primeiro, ela foi a óbito.

A confirmação de que sua morte foi decorrente do coronavírus saiu ontem, sexta-feira, dia 4. A criança não havia recebido a vacina contra Covid, diferente de seus irmãos mais velhos que já foram vacinados. 

De acordo com o comunicado publicado ontem pela prefeitura de Extrema nas redes sociais, "o paciente de 6 anos, com quadro de dor na perna, foi diagnosticado na internação com trombose venosa profunda, testou positivo para Covid-19 e evoluiu com quadro de embolia pulmonar, indo à óbito. A criança não era vacinada contra a Covid-19".

Ontem também foi registrada a morte de um bebê por Covid-19 em Belo Horizonte, foi o primeiro caso em 2022. A morte do bebê foi confirmada no boletim epidemiológico divulgado pela capital mineira. Este foi o segundo caso de óbito de crianças com menos de um ano de idade em Belo Horizonte, o outro caso aconteceu no ano passado.

www.jornaldelavras.com.br
A informação a um click de você 
 

Leia também:

 

"Brincadeira" que poderia ter terminado em tragédia deixa moradores de Nepomuceno indignados - veja vídeo
Carreta "cebolão" tomba na BR-265, no perímetro urbano de Lavras
Arma furtada na zona rural de Lavras foi apreendida pela PM de Perdões
Lavrense será empossado na Academia Brasileira Rotária de Letras
Documentário produzido em Lavras está concorrendo no Festival Sarancine - assista e vote
Lavras poderá ganhar um campus do IFSULDEMINAS
Novo "lixão" começa a surgir em Lavras e já está até invadindo pista do anel viário - veja fotos
Um porco-espinho foi flagrado em rua da área central de Lavras - veja vídeo
Homem e mulher foram presos no Sul de Minas após divulgarem blitz em aplicativo de mensagem
Saúde enfrenta crise por falta de remédios básicos. Rede pública e privada de Lavras estão sendo afetadas

Voltar Envie para um amigo


 www.jornaldelavras.com.br - A informação a um click de você
Lavras/MG
WhatsApp: (35) 9 9925-5481
Instagram: @jornaldelavras 
Twitter: twitter.com/jlavras 
Facebook: www.facebook.com/jornaldelavras