Quem somos
|
Arquivo
|
Anuncie
|
Contato
|
Sua página inicial


início
prêmios
lavras tem
agenda
busca


Matéria Jornalística /


Publicada em: 06/12/2021 22:01 - Atualizada em: 07/12/2021 12:47
Simpósio Brasileiro de Doenças Negligenciadas tem início nesta terça-feira na Ufla
O evento será gratuito e com a emissão de certificado de participação

José Cherem e Joziana Barçante, convidados pelo professor Luiz Roberto Albuquerque (UFVJM)

.

 @jornaldelavras     @jornaldelavras   (35) 99925.5481
 

Por uma demanda regional, o Simpósio Brasileiro de Doenças Negligenciadas (SBDN) surgiu em 2014, com o enfoque nas leishmanioses. Com o passar do tempo, ficou evidente a necessidade de se abordar outros temas relevantes para a Saúde Única. O termo Doenças Negligenciadas (DNs) engloba uma série de doenças infecciosas e parasitárias que acometem humanos e animais (em sua maioria), populações mais vulneráveis e causam debilidade, além de milhares de mortes em todo mundo. 

A pandemia de Covid-19 trouxe uma série de desafios, em termos globais, dentre eles, a impossibilidade de realização de eventos presenciais. Contudo, o entendimento acerca da importância da continuidade das ações relacionadas às DNs, fez com que o Núcleo de Pesquisa Biomédica da Universidade Federal de Lavras (Nupeb/Ufla), o grupo coordenado pela professora Joziana Barçante e pelo médico José Cherem, envidasse esforços junto com o Núcleo de Estudos em Parasitologia (NEP) e com o Nudone para realização de versões online. "Entendemos que a troca de conhecimento entre a sociedade e a academia não pode ser interrompida. Por esta razão, a partir de amanhã, terça-feira, dia 7, a quinta-feira, dia 9, trocaremos saberes com o II Esquenta Simpósio Brasileiro de Doenças Negligenciadas - SBDN. O evento é gratuito e aberto não só à comunidade acadêmica, mas a qualquer cidadão que deseje conhecer um pouco mais sobre essas doenças. São todos nossos convidados".

Na manhã e tarde do dia 8 e 9 terça-feira e quarta-feira, respectivamente, o evento será especialmente destinado aos profissionais da atenção primária: agentes comunitários, agentes de endemias, técnicos e profissionais da saúde. 

Desde sua primeira edição em 2014 a Ufla foi responsável pela organização e sempre sediou o Simpósio Brasileiro de Doenças Negligenciadas, presidido pela professora Joziana Barçante. Uma curiosidade desta edição é que ela rompeu as barreiras geográficas e estará acontecendo em parceria com a Universidade Federal do Vale do Jequitinhonha e Mucuri e o Instituto René Rachou (Fiocruz) como o tema: Reduzindo Distâncias e Aproximando Pessoas. 

A iniciativa foi tomada a partir de um convite realizado pelo professor Luiz Roberto Albuquerque (UFVJM) à professora Joziana Barçante e ao médico José Cherem, em função da expertise do grupo por eles coordenado. Com o convite aceito, surgiu a parceria que passou a envolver também a Fiocruz. E como não se faz ciência de forma isolada, o evento terá palestrantes de diferentes regiões: Rio de Janeiro, Paraná, São Paulo, Rio Grande do Sul, Minas Gerais, Grenoble (França), Barcelona (Espanha) dentre outras. 

O evento tem como objetivo aproximar o diálogo entre as diferentes áreas do saber como a Ciências da Saúde, Ciências Animal e Ciências Ambiental e suas demais áreas buscando discutir temas de relevância epidemiológica como Leishmanioses e a Doença de Chagas, além da aplicação direta na busca de soluções para os problemas enfrentados pela sociedade.

www.jornaldelavras.com.br
A informação a um click de você 
 

Leia também:

 

"Brincadeira" que poderia ter terminado em tragédia deixa moradores de Nepomuceno indignados - veja vídeo
Carreta "cebolão" tomba na BR-265, no perímetro urbano de Lavras
Arma furtada na zona rural de Lavras foi apreendida pela PM de Perdões
Lavrense será empossado na Academia Brasileira Rotária de Letras
Documentário produzido em Lavras está concorrendo no Festival Sarancine - assista e vote
Lavras poderá ganhar um campus do IFSULDEMINAS
Novo "lixão" começa a surgir em Lavras e já está até invadindo pista do anel viário - veja fotos
Um porco-espinho foi flagrado em rua da área central de Lavras - veja vídeo
Homem e mulher foram presos no Sul de Minas após divulgarem blitz em aplicativo de mensagem
Saúde enfrenta crise por falta de remédios básicos. Rede pública e privada de Lavras estão sendo afetadas
 

Voltar Envie para um amigo


 www.jornaldelavras.com.br - A informação a um click de você
Lavras/MG
WhatsApp: (35) 9 9925-5481
Instagram: @jornaldelavras 
Twitter: twitter.com/jlavras 
Facebook: www.facebook.com/jornaldelavras