Quem somos
|
Arquivo
|
Anuncie
|
Contato
|
Sua página inicial


início
prêmios
lavras tem
agenda
busca


Matéria Jornalística /


Publicada em: 29/11/2021 22:12 - Atualizada em: 30/11/2021 12:41
Eletrobrás Furnas planta as primeiras mudas no Projeto Nascentes
Áreas de 40 municípios mineiros receberão diversas espécies que auxiliarão nrecuperação ambiental e melhoria da qualidade e quantidade da água dos reservatório

 Mudas de árvores nobres são cultivadas

.

 @jornaldelavras     @jornaldelavras   (35) 99925.5481
 

O Projeto de P&D Aneel denominado de "Nascentes", que está sendo desenvolvido pela Eletrobrás Furnas para conservação da qualidade ambiental e busca pelo aumento da quantidade da água nos reservatórios de hidrelétricas situadas no estado de Minas Gerais, entra na fase de plantio de mudas. O total do investimento para o Projeto Nascente é de mais de R$ 6,4 milhões. A iniciativa prevê a recuperação e monitoramento de matas ciliares em 200 nascentes no entorno dos reservatórios das Usinas de Furnas e Mascarenhas de Moraes (Peixoto). Os primeiros municípios a receberem as espécies serão Aguanil, Campo Belo, Cristais e Coqueiral. Ações de avaliação, seleção, caracterização e classificação das áreas de instalação já foram realizadas, além da elaboração dos projetos executivos, com o levantamento topográfico e análises de solo das áreas selecionadas para plantio.  O Projeto conta com as parcerias da Ingá Engenharia e das universidades federais de Viçosa e Lavras, e com o apoio da Associação dos Municípios do Lago de Furnas – Alago.

As áreas que receberão as mudas nativas foram preparadas e cercadas, além de contarem com a eliminação de formigas e cupins e a condução da regeneração do solo. Nelas serão plantadas diversas espécies como: amora, ingá, urucum, ameixa, aroeira salsa, acácia e jacarandá. Também será realizado o semeio direto, conhecido como sistema muvuca. Entre as sementes estão aquelas que são de preservação (amargoso, angelim do cerrado, angico cuiabano, capitão do campo e outras) e as de interesse econômico (abóbora, bacuri, caju, tamarindo, entre outras).

Ao todo, 40 municípios serão envolvidos na iniciativa, sendo 35 vizinhos à Usina Furnas e 5 à Usina Mascarenhas de Moraes (Peixoto). O Projeto Nascentes utiliza uma metodologia inovadora, com inteligência artificial na recuperação ambiental de nascentes, o que impactará de forma positiva na melhoria da qualidade e quantidade da água nos reservatórios. A iniciativa também visa conscientizar os proprietários rurais lindeiros com relação à recuperação das áreas, em geral degradadas pelo cultivo e pastoreio de gado, bem como estimular a geração de renda decorrente dos plantios de espécies florestais de interesse econômico.
Clovis Torres, presidente da Eletrobrás Furnas, destaca que o "Nascentes" é um projeto estratégico para a empresa e para a região do entorno dos reservatórios das Usinas Furnas e Mascarenhas de Moraes (Peixoto). "Além do caráter tecnológico e inovador, o projeto promoverá a potencialização da economia regional, agregando benefícios socioeconômicos e geração de renda à população do entorno, com a utilização de startups locais no beneficiamento e comercialização dos produtos oriundos do Projeto Piloto", afirmou Torres.

Denominado "Projeto de Pesquisa e Desenvolvimento" (P&D) para a Utilização de Inteligência Artificial no Desenvolvimento de Metodologias Inovadoras de Recuperação e Proteção de Nascentes e Áreas Degradadas em Zonas de Recargas de Aquíferos Contribuintes dos Reservatórios das Usinas Furnas e Mascarenhas de Moraes (Peixoto), o projeto de P&D terá duração de 36 meses, que incluirá a implantação e monitoramento das áreas selecionadas, bem como a análise e divulgação dos resultados obtidos.

www.jornaldelavras.com.br
A informação a um click de você 
 

Leia também:

 

"Brincadeira" que poderia ter terminado em tragédia deixa moradores de Nepomuceno indignados - veja vídeo
Carreta "cebolão" tomba na BR-265, no perímetro urbano de Lavras
Arma furtada na zona rural de Lavras foi apreendida pela PM de Perdões
Lavrense será empossado na Academia Brasileira Rotária de Letras
Documentário produzido em Lavras está concorrendo no Festival Sarancine - assista e vote
Lavras poderá ganhar um campus do IFSULDEMINAS
Novo "lixão" começa a surgir em Lavras e já está até invadindo pista do anel viário - veja fotos
Um porco-espinho foi flagrado em rua da área central de Lavras - veja vídeo
Homem e mulher foram presos no Sul de Minas após divulgarem blitz em aplicativo de mensagem
Saúde enfrenta crise por falta de remédios básicos. Rede pública e privada de Lavras estão sendo afetadas
 

Voltar Envie para um amigo


 www.jornaldelavras.com.br - A informação a um click de você
Lavras/MG
WhatsApp: (35) 9 9925-5481
Instagram: @jornaldelavras 
Twitter: twitter.com/jlavras 
Facebook: www.facebook.com/jornaldelavras