Quem somos
|
Arquivo
|
Anuncie
|
Contato
|
Sua página inicial


início
prêmios
lavras tem
agenda
busca


cotidiano / Meio Ambiente /


Publicada em: 04/01/2021 10:47 - Atualizada em: 04/01/2021 13:20
Temporais causaram destruição em diversas cidades do Sul de Minas
Choveu granizo, teve rajadas fortes de vento, lavouras foram destruídas, ribeirões provocaram inundação

A paisagem da zona rural de Virgínia mudou em dez minutos de temporal de granizo. Foto: Redes sociais

.


Dê play e conheça o Toledo Residencial


  Jornal de Lavras:  (35) 9 9925.5481    @jornaldelavras     @jornaldelavras    @jlavras    

O Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) divulgou ontem, domingo, dia 3, um Alerta Laranja para Lavras e cidades do Sul de Minas, sobre um possível risco de temporais. Felizmente Lavras ficou fora da rota do temporal, porém, diversas cidades do Sul de Minas registraram destruição.

O temporal causou destruição em Marmelópolis, Virgínia, Maria da Fé, Delfim Moreira, Pedralva, São José do Alegre, Poços de Caldas, Ouro Fino, Piranguinho e Cambuí.

Na localidades de Marmelópolis e Virgínia, as lavouras foram as mais prejudicadas, várias estradas rurais também sofreram danos, causando grandes prejuízos aos agricultores.

Em Cambuí, a chuva veio acompanhada de fortes rajadas de vento, que derrubaram diversas árvores, três delas caíram sobre a rodovia Fernão Dias, a BR-381, interditando o trânsito para a retirada das árvores, o que causou grande congestionamento.

Quedas de árvores também foram registradas na rodovia BR-459, no trecho entre Piranguinho e Olegário Maciel, a rodovia ficou com apenas uma pista até a retirada das árvores que caíram em dois pontos diferentes da BR.

Em Pedralva um morador fez um registro impressionante: o momento em que uma cabeça d'água atingiu uma cachoeira muito procurada por turistas. Felizmente não havia ninguém no local na hora que o grande volume de água chegou de surpresa.

Em Ouro Fino um ribeirão que corta a mancha urbana da cidade transbordou e provocou alagamento em diversos pontos. O telhado de uma igreja foi arrancado com a força do vento, foram registrados também diversos curtos-circuitos na rede elétrica da cidade.

Em Poços de Caldas choveu granizo que afetou principalmente os bairros da Zona Leste da cidade. Apesar do temporal de granizo, que durou cerca de 10 minutos, o Corpo de Bombeiros e a Defesa Civil não registraram nenhuma ocorrência grave.

O Alerta Laranja para Lavras foi retirado da página no Inmet na manhã de hoje, segunda-feira, dia 4, primeiro dia útil do ano, mas o Instituto mantém previsão de chuva para hoje. Segundo o instituto, Lavras terá sol com aumento de nuvens ainda no período da manhã, com pancadas de chuva à tarde à noite.

 
www.jornaldelavras.com.br
A informação a um click de você 
 

Leia também:

Agência do Banco Itaú, da Zona Sul de Lavras, está fechada temporariamente por causa da pandemia Incêndio supostamente criminoso destruiu veículo na Zona Norte de Lavras - veja vídeo
   
Prefeitura de Lavras divulgou que denúncias nos finais de semana contra aglomerações devem ser feitas no 190 da PM Bombeiros capturaram cobra que invadiu uma casa em Lavras
   
Ufla poderá armazenar vacinas do Governo do Estado em seus Ultrafreezers Decreto da Prefeitura de Lavras prevê uso obrigatório de máscara também em vias públicas
   
PM de Lavras aborda homem que portava réplica de arma de fogo na cintura Prefeitura de Lavras publica decreto com menos restrições que a Onda Vermelha do Minas Consciente
   
CDL Lavras informa que medidas estão sendo tomadas pela entidade para tentar evitar o fechamento do comércio - veja vídeo Comerciantes de Lavras manifestaram contra aplicação da fase restritiva da Onda Vermelha
.

Voltar Envie para um amigo


 www.jornaldelavras.com.br - A informação a um click de você
Lavras/MG
WhatsApp: (35) 9 9925-5481
Instagram: @jornaldelavras 
Twitter: twitter.com/jlavras 
Facebook: www.facebook.com/jornaldelavras