Quem somos
|
Arquivo
|
Anuncie
|
Contato
|
Sua página inicial


início
prêmios
lavras tem
agenda
busca


cotidiano / Trabalho /


Publicada em: 25/12/2020 14:09 - Atualizada em: 26/12/2020 12:12
Caged aponta que Lavras fechou novembro com mais contratações formais do que demissões
O Brasil, Minas Gerais e o Sul de Minas tiveram bom desempenho na geração de empregos em novembro, os dados são do Ministério da Economia do governo de Jair Bolsonaro

Imagem ilustrativa

.


Dê play e conheça o Toledo Residencial


  Jornal de Lavras:  (35) 9 9925.5481    @jornaldelavras     @jornaldelavras    @jlavras    

O Brasil fechou, pelo quinto mês consecutivo, no azul no que tange a geração de empregos, os números de contratações formais superaram os números de demissões segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgados na quarta-feira, dia 23: o país criou 414.556 vagas de emprego em novembro. O número é o melhor da série histórica da pesquisa, iniciada em 1992.

O bom desempenho no ano foi motivado especialmente pelo programa do governo que permitiu a suspensão de contratos de trabalho e a redução de salários e jornada, medida que, segundo especialistas, evitou um número maior de demissões.

Ao avaliar os dados, o ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou que o resultado significa que o Brasil apresenta uma "retomada em V da economia".

Minas Gerais registrou, pelo sexto mês consecutivo, saldo positivo na geração de empregos. Após o impacto da chegada da pandemia de Covid-19 ao País em março, o Estado vem apresentando superávit na criação de postos de trabalho desde junho. Em novembro, foram 155.251 admissões e 122.357 desligamentos, totalizando 32.894 vagas. Com o resultado, a geração no acumulado do ano também segue positiva desde outubro.

No Sul de Minas não foi diferente, as seis maiores cidades do Sul de Minas tiveram bom desempenho. Poços de Caldas, a maior cidade do Sul de Minas teve um saldo positivo de +689 novos postos de trabalho, mas no acumulado do ano o salto ainda é negativo: -2.348 vagas fechadas.

Pouso Alegre, a segunda maior cidade do Sul de Minas fechou novembro com um saldo positivo de +415 vagas de empregos, no acumulado do ano a cidade também tem um saldo positivo de +525 vagas abertas.

Varginha fechou novembro com +448 vagas de empregos abertas, no acumulado do ano, a cidade começou a recuperar e tem um saldo de + 10 empregos, na comparação desempregos empregos.

Passos é a quarta maior cidade do Sul de Minas, em novembro ela fechou com saldo positivo de +184 novas vagas de empregos, no acumulado do ano a cidade tem também um saldo positivo de +548 empregos formais.

Lavras, a quinta maior cidade do Sul de Minas, teve um desempenho melhor que Passos em novembro, foram abertas +231 novas vagas de empregos, porém, no acumulado do ano a cidade ainda está com saldo no vermelho: -377 vagas a serem recuperadas.

Itajubá é a sexta maior cidade da região e ela fechou o mês de novembro com saldo positivo de +208 novos empregos, mas a cidade está numa posição mais confortável, isso porque no acumulado do ano a cidade tem um saldo positivo de +419 empregos.

 

 
www.jornaldelavras.com.br
A informação a um click de você 
 

Leia também:

Mais informações sobre o assassinato do estudante da Ufla que estava desaparecido Ladrão arrombou estabelecimentos comerciais em Ijaci e foi preso pela PM em Lavras
   
Acidente em Lavras envolvendo automóvel e caminhão guincho deixa motorista ferido Cemig alerta sobre a importância de manter atualizada a titularidade do contrato de fornecimento de energia
   
Pesquisadores da Ufla desenvolvem tecnologia inovadora envolvendo bioenergia e tratamento de esgoto PM apreende droga em Lavras com ajuda de cães farejadores
   
.

Voltar Envie para um amigo


 www.jornaldelavras.com.br - A informação a um click de você
Lavras/MG
WhatsApp: (35) 9 9925-5481
Instagram: @jornaldelavras 
Twitter: twitter.com/jlavras 
Facebook: www.facebook.com/jornaldelavras