Quem somos
|
Arquivo
|
Anuncie
|
Contato
|
Sua página inicial


início
prêmios
lavras tem
agenda
busca


polícia / Diversos /


Publicada em: 18/09/2020 10:12 - Atualizada em: 18/09/2020 16:13
Polícia Civil prende homem que havia recebido ordem do PCC para matar Policial Penal
A prisão ocorreu em Três Pontas, onde mora o criminoso preso na manhã de ontem, quinta-feira, dia 17

Momento em que a Polícia civil chega na casa do criminoso. Foto: Equipe Positiva

.


Diário da obra Dê play para ver

  Jornal de Lavras:  (35) 9 9925.5481    @jornaldelavras     @jornaldelavras    @jlavras    

Um preso de regime domiciliar, na cidade de Três Pontas, recebeu uma ordem do Primeiro Comando da Capital (PCC) para matar um policial penal, a ordem de eliminar o profissional da segurança pública havia partido de dentro da penitenciária de Três Corações.

O Policial Penal, quando soube que sua vida corria risco, procurou a Delegacia de Polícia civil e narrou sobre os fatos. Diante da denúncia, as investigações iniciaram imediatamente. A Polícia Militar colocou viaturas para circular no bairro onde o profissional mora.

A Polícia Civil concluiu as investigações sobre o caso e descobriu que a ordem havia partido de dentro da penitenciária e que o "salve", como é chamado pelos criminosos a execução, estava já planejado, diante disso, a Polícia Civil encaminhou um relatório ao Ministério Público e ao Poder Judiciário.

A Polícia Civil então, na manhã de ontem, quinta-feira, dia 17, cumpriu um mandado de busca e apreensão na casa do preso que estava em regime domiciliar. Durante as buscas foram encontrados no trilho da cortina da janela, 9 pinos com cocaína, mais 22 pinos vazios, uma porção de maconha, duas munições calibre 357, um coldre, 8 aparelhos celulares e diversas correspondências recebidas em uma penitenciária. A Polícia Civil quer saber onde está a arma que seria usada para executar o Policial Penal, os investigadores acreditam que ela está escondida numa casa do bairro onde o criminoso reside. 

O rapaz foi preso, ele que cumpre pena em regime domiciliar, é bastante conhecido no meio policial e é considerado violento. Ele havia sido preso na Operação Aliado, responde por diversos crimes como assaltos, tráfico de drogas, entre outros. O benefício que recebeu de ficar recolhido em casa, foi devido a pandemia da Covid-19 e pelo excesso de prazo processual.

Ele foi acusado agora por tráfico de drogas, posse ilegal de munição de arma de fogo, além de que existe elementos para que ele responda por integrar uma organização criminosa.  

Fotos e informações jornal Equipe Positiva – Três Pontas 

 
www.jornaldelavras.com.br
A informação a um click de você 
 

Leia também:

 

Publicado o decreto de retomada gradual das aulas presenciais das redes pública e particular de Lavras
Rotary Club de Lavras Sul comemora 116 anos de Rotary Internacional - veja fotos
Encontrado o corpo da criança que foi jogada em rio no Sul de Minas
Tamanduá ferido foi resgatado pela PM do Meio Ambiente em Candeias e trazido para Lavras
Casal que vendia droga pelo sistema delivery e recebia com cartão foi preso em Lavras
Gasolina e óleo diesel terão reajuste nesta sexta-feira; este é o quarto reajuste do ano
SES vai suspender cirurgias eletivas não essenciais em todo o estado por causa da Covid
Procura por agricultor de Lavras que estava desaparecido chega ao fim de forma trágica
Vereador Possato protocolou pedido de instauração da CPI das Vacinas em Lavras
LabCovid: Ufla explica como funciona o laboratório - veja vídeo

.

Voltar Envie para um amigo


 www.jornaldelavras.com.br - A informação a um click de você
Lavras/MG
WhatsApp: (35) 9 9925-5481
Instagram: @jornaldelavras 
Twitter: twitter.com/jlavras 
Facebook: www.facebook.com/jornaldelavras